07/10/2004

Pro-Am termina com disputa acirrada pelo primeiro lugar


O primeiro lugar no Pro-Am, torneio formado por 1 profissional e 3 amadores, que aconteceu ontem no Itanhangá Golf Club, ficou para a equipe de Aníbal Afonso, Carlos Dluhosch, Marcos Lopes e Mário Gibson, somando 55 tacadas, 17 abaixo do par de campo. Em uma disputa acirrada com a equipe de Jovenílio Souto, o Biro-Biro, que jogou em parceria com os amadores José de Souza, Pedro Freire e Bruce Kellet, com 57 tacadas ficou em segundo lugar enquanto a equipe de Abílio Cordeiro, Arthur Pires Neto, Joy de Paoli e Bruno de Paoli garantiu o terceiro lugar, terminando com 1 ponto de diferença (58 tacadas). A primeira etapa do Aberto do Itanhangá será realizada nos dias 08, 09 e 10 de outubro para amadores com handicap 0 a 9 e damas com handicap 0 a 18 valendo para o ranking estadual.
Hoje acontece o treino para os jogadores devidamente inscritos.
No segundo dia haverá corte ao término da competição e somente os 15 primeiros classificados e empatados disputarão a final no dia 10 de outubro.
Nos dias 16 e 17 de outubro terá início a segunda etapa do Aberto para jogadores com handicap 10 a 15, 16 a 24 e 25 a 32 e damas com handicap 19 a 36.

Entre alguns profissionais e amadores que confirmaram a presença no Pro-Am e no Aberto do Itanhangá, estão: George Berliner (presidente da FGERJ), Melinda Pellegrino (diretora técnica da FGERJ), Edigezir Gomes, e o profissional Carlos Eduardo Ferreira (foto), equipe que participou do Pro-Am, além dos profissionais, Erik Andersson, Waldir Rondon, Nivaldo Ribeiro, Philippe Gasnier, Alex Fernandes, Ismar Brasil, Rafael Barcellos, Hector Ortega, Antonio Barcellos e os amadores, Mariana De Biase, Tiago Silva, Márcio Weber Filho, Patrícia de Carvalho, Eric Brasil que estarão participando do campeonato.