10/09/2013

Equipe feminina do Rio de Janeiro vence o Interfederações



A equipe feminina do Rio de Janeiro, patrocinada pelo Grupo Libra, através do Azeite 1492, foi campeã invicta e por antecipação da 18ª edição do Interfederações – Taça Dora Nardy, no último domingo, dia 8, no Porto Alegre Country Club. No torneio masculino, o time do Rio Grande do Sul conquistou invicto a Taça Seymour Marvin.
O Rio de Janeiro foi campeão jogando com Giulia Mallmann, Marleuza Cunha e Meidy Gama, tendo Elza Ishii de capitã. Elas superaram São Paulo, que vinha de dois títulos seguidos, e Rio Grande do Sul; e só cederam um empate no último dia, para o Paraná, mas poderiam até perder que seriam as campeãs. São Paulo foi o vice-campeão, seguido pelas paranaenses e gaúchas.

O título masculino só foi decidido no último buraco com os anfitriões vencendo todos os cinco confrontos, mas de forma dramática, em uma vitória apertada, no último buraco do último jogo, contra a equipe do Paraná e Santa Catarina, que teve a chance de ser campeão até o último minuto.
Com esse resultado, São Paulo, Paraná e Rio de Janeiro empataram em segundo, com três vitórias e duas derrotas cada (todos perderam do RS e cada um perdeu um jogo para o outro entre os empatados em segundo). Com isso, São Paulo terminou como vice-campeão por ter vencido mais buracos durante a competição, 58, contra 56 dos outros dois adversários. Paraná ficou em terceiro, por ter vencido o confronto direto contra o Rio, o quarto colocado, seguindo o regulamento do Interfederações, que é cópia do da Los Andes, o Campeonato Sul-Americano de Golfe por Equipes, que também é jogado em match play, todos contra todos. Fecong (Centro-Oeste) e Bahia/Espírito Santo, terminaram empatados em quinto.
Os gaúchos foram campeões com Octávio Villar, o Fanta, e Leonardo Conrado, números 1 e 4 do ranking amador de golfe brasileiro, respectivamente, além da revelação Herik Machado, do Projeto Novos Talentos; de Arthur Lang; e de Daniel Dias, que substituiu Matheus Balestrin, contundido, na véspera da competição. O capitão foi Christiano Saboya, também capitão do clube sede.
Destaques – São Paulo, que jogou com o apoio da Air Liquid e do FPG Golf Center, foi vice-campeão jogando com Ivan Tsukazan, Marcos Negrini, Leonardo Yoshikawa, Renato Song e Marcelo Giumelli. O capitão paulista foi Durval Pedroso, vice-presidente técnico da FPG. A FPCG jogou com Homero Sobrinho, Antônio Douat, Lucas Gabriel, Ulisses Júnior e Rafael Bernardi, o capitão do time.

A FGERJ, patrocinada pelo Azeite 1492, jogou com Cristian Barcelos e Daniel Ishii que foram campeões no ano anterior e teve ainda Duda Vasconcelos, Thor Salen e Bernardo Willemsens, com Tacashi Ishii como capitão.
A Federação Baiana e Capixaba de Golfe foi comandada por seu presidente, Bruno Tariant, capitão e jogador, ao lado de Jardiel Pereira, Marcelo Leal, Kledson Quirino e João Carlos Cutini. Já a Federação Centro Oeste de Golfe (Fecong), também jogou com seu presidente, Kadu Barroso, ao lado de Diogo Brito, Walter Nunes Souza, Cauê Souza e Ralph Wagner, o capitão.