23/10/2006

Equipe brasileira termina na 26ª colocação do Mundial


A equipe brasileira, representada pelas jogadoras Mariana de Biase (RJ) (foto), Patrícia de Carvalho (PR) e Cristina Baldi (RS), terminou na 26ª colocação somando 602 tacadas (154/150/148/150), 26 acima do par.

Líder absoluta do torneio, a equipe sul-africana consagrou-se a grande campeã e ficou com o título da Taça Espírito Santo no Campeonato Mundial de Golfe Amador, que terminou sábado, na África do Sul.

O título em equipe precisou ser definido em playoff, já que a equipe vencedora (139/138/141/148) somou ao final do torneio as mesmas 566 tacadas da Suécia (139/145/138/144), 10 abaixo do par, sendo necessário o desempate. Em terceiro lugar ficou a equipe da Colômbia, com 567 tacadas no total (147/141/143/136).

Melhor brasileira na competição individual, a carioca Mariana de Biase ficou no 55º lugar com 301 tacadas (77/75/72/77), 13 acima do par. Já a paranaense Patrícia Carvalho terminou na 82º colocação com 308 tacadas no total (82/75/78/73), 20 acima do par, e dez posições acima, na 92ª colocação, ficou a gaúcha Cristina Baldi com 313 tacadas (77/80/76/80), 25 acima do par.

O título individual ficou com a sueca Caroline Westrup que fez 280 tacadas (72/73/66/69), oito abaixo do par, deixando a japonesa Rikako Morita na segunda colocação com 282 tacadas (65/72/70/75), seis abaixo do par.

A disputa pelo troféu masculino Eisenhower está prevista para ocorrer entre os dias 26 e 29 de Outubro, também na África do Sul, sendo a equipe brasileira representada pelos jogadores Roberto Gómez (SP), Máximo Kopp (PR) e Eduardo Pesenti (PR).