01/07/2015

Curso do R&A ajuda a qualificar árbitros brasileiros


O Itanhangá Golf Club, do Rio de Janeiro (RJ), sediou na última semana o Curso de Regras R&A – Nível II, realizado com apoio da Federação de Golfe do Estado do Rio de Janeiro e da Confederação Brasileira de Golfe (CBG).
Esse foi o primeiro curso de nível II ministrado depois que os árbitros Carlos Gasparian e François Cazabon terem feito curso na Colômbia com apoio do Comitê Olímpico Brasileiro (COB) e recursos da Lei Agnelo Piva. Os dois foram os professores do curso do Rio, e aproveitaram para disseminar o conhecimento obtido no exterior.
"Tendo agora um calendário com vários torneios válidos para o Ranking Mundial Amador, Circuito Profissional CBG Pro Tour, eventos do PGA Tour e os Jogos Olímpicos, há uma necessidade enorme de contarmos com árbitros brasileiros com qualificação e este curso Nivel 2 é a melhor maneira de começarmos este processo", diz Nico Barcellos, diretor técnico da CBG.  
Boa parte dos 20 participantes do curso eram pessoas que já haviam participado de um curso de nível I ou tinham um bom conhecimento sobre as Regras de Golfe, já tendo atuado com Regras nos torneios de seus clubes ou Federações.
Está programada a realização de outros dois cursos de nível II, em São Paulo e em Curitiba, em datas ainda a serem definidas. Quem for aprovado nos cursos poderá se qualificar para participar do nível III, que será ministrado antes dos Jogos Rio 2016.