08/07/2013

André Tourinho conquista o Amador de Golfe do Brasil


André Tourinho e Luciane Lee conquistam o 83º Campeonato Brasileiro de Golfe Amador, disputado entre os dias 4 e 7 de julho no Alphaville Graciosa Clube, em Pinhais, no Paraná. A equipe brasileira formada por Tourinho e Rafael Becker ainda levou a disputa da 6ª Taça Mario Gonzalez. O torneio é válido para o Ranking Nacional e Mundial Amador.
A competição, que é a mais tradicional do país, conta com o patrocínio do HSBC, da Rolex e da Embrase, além de recursos da Lei de Incentivo ao Esporte do Ministério do Esporte, e é organizada pela Confederação Brasileira de Golfe com parceria da Federação Paranaense e Catarinense de Golfe. 
Tourinho é natural do Rio de Janeiro e começou sua carreira treinando no Itanhangá Golf Club. Ele ganhou de virada depois de dar 67 tacadas no último dia de competições, somando 279 (71/72/69/67), uma de vantagem para o vice-campeão, Rafael Becker (280 – 70/72/69/69). O terceiro foi o argentino Santiago Bauni, que liderou as três primeiras rodadas;
CLIQUE AQUI PARA RESULTADOS COMPLETOS
"A ficha ainda não caiu! Estou muito feliz de conquistar esse título, sempre foi um sonho. Tenho que agradecer a minha família, aos meus amigos e a Confederação Brasileira de Golfe que tem apoiado muito a minha carreira", comenta o campeão brasileiro, que ainda mencionou a ajuda do national coach Shaun Case nos treinamentos. "Confio muito no Shaun e no trabalho dele". 
A jovem Luciane Lee, de apenas 19 anos, não só conquistou seu primeiro título brasileiro, mas a primeira vitória em seu país de origem. Ela treina e estuda há oito anos nos Estados Unidos. 
Luciane venceu o 83º Campeonato Brasileiro de Golfe Amador depois de um belo birdie no último buraco, que a poupou com um playoff com a segunda colocada, Luiza Altmann, de apenas 15 anos de idade. A nova campeã brasileira somou 299 tacadas no total (77/78/75/69), uma de vantagem para Luiza Altmann (300 – 77/75/76/72). A terceira posição ficou com a carioca Clara Teixeira que deu 302 strokes (74/80/72/76). 
"É muito bom ganhar pela primeira vez no meu país, estou muito feliz! Tenho treinado duro para atingir bons resultados e sabia que tinha que dar o meu melhor para vencer aqui e acabei fazendo a melhor volta do torneio", explica a animada Luciane. 
Na disputa pela 6ª Taça Mário Gonzalez, torneio internacional de duplas que homenageia Mario Gonzalez, um dos melhores golfistas brasileiros de todos os tempos, a equipe brasileira também levou o troféu para casa. O time anfitrião formado por André Tourinho e Rafael Becker fechou a disputa com 559. A dupla argentina composta por Santiago Bauni e German Tagle somou 572 e ficou com a segunda colocação. Equador, Chile e Paraguai também participaram.
"Este resultado mostra que o trabalho da Confederação Brasileira de Golfe para o desenvolvimento do esporte de alto rendimento está dando bons frutos. Vamos seguir apoiando nossos atletas rumo a elite do golfe", explica Paulo Cezar Pacheco, presidente da CBG, que ainda agradeceu o clube anfitrião e a Federação Paranaense e Catarinense de Golfe. 
Sobre a CBG – Entidade máxima do golfe no Brasil, a Confederação Brasileira de Golfe foi criada em 1957 com o nome de Associação Brasileira de Golfe, mudando para o nome atual em 1976. Hoje a CBG agrega oito federações e 117 campos afiliados. Em um cenário especial para o esporte no país, a entidade trabalha em conjunto com seus associados para incentivar a formação de novos talentos, assim como desenvolver e suportar atletas de alto rendimento e fomentar a maturidade técnica da modalidade.