18/04/2013

Adam Scott vence o Masters no playoff


Com um birdie no segundo buraco do playoff, o australiano Adam Scott, de 32 anos, derrotou o argentino Angel Cabrera, de 43 anos, após ambos terem concluído as voltas regulamentares com 9 tacadas abaixo do par do campo, para vencer o 77º Masters Tournament e tornar-se o primeiro jogador australiano a conquistar o torneio.
O campeão fez o birdie no buraco 10, um par 4, após ter feito par no buraco 18, onde Cabrera concluiu o mesmo resultado. Scott totalizou voltas de 69, 72, 69 e 69 tacadas para confirmar seu nono título no PGA Tour.
Scott além de vestir a jaqueta verde – ajudado pelo vencedor do ano passado, Bubba Watson – recebeu o prémio de 1,440 milhões de dólares e 500 pontos FedExCup. Com a vitória, o australiano obteve o direito de fazer parte do seleto grupo de jogadores, durante os próximos cinco anos, com vaga garantida nos seguintes Majors: US Open Championship, The Open Championship e US PGA Championship; além de assegurar a presença vitalícia no Masters Tournament.
O vice-campeão do torneio, Angel Cabrera, jogou voltas de 71, 69, 69 e 70 tacadas. Ele conta no seu currículo com mais um major, o US Open Championship, que conquistou em 2007, tendo ainda, nesse ano, obtido um triunfo no PGA Grand Slam of Golf.
O 3º lugar do Masters foi ocupado pelo australiano Jason Day, de 25 anos, que jogou 70, 68, 73 e 70 tacadas.  A seguir, com 5 abaixo do par, ficou Tiger Woods, número 1 do mundo, que não superou o resultado de 73 tacadas na segunda jornada, quando no buraco 15, um par 5, fez um triplo bogey para a qual somou a penalização de duas tacadas que sofreu, por ter feito um drope incorreto, ao repor a bola que havia perdido num lago.
O chinês Guan Tianlang, de apenas 14 anos, foi a grande surpresa do torneio, tendo passado o corte com as marcas de 73, 75, 77 e 75 tacadas, obtendo o 58º lugar empatado, com 12 tacadas acima do par do campo.