22/10/2018

LVI Aberto do Itanhangá: inscrições em lista de espera


As inscrições para o LVI Campeonato Aberto do Itanhangá Golf Club estão em lista de espera. A edição marcará a estreia oficial do novo traçado do campo do tradicional clube carioca nos dias 16, 17 e 18 de novembro.

O Aberto do Itanhangá será dividido em cinco categorias: scratch e handicap índex até 8,5, em 54 buracos, de sexta a domingo; e handicap índex de 8,6 a 14, handicap índex de 14,1 a 22,1 e handicap índex de 22,2 a 29,3, em 36 buracos, no sábado e no domingo. A organização entregará ainda prêmios especiais por faixa etária. Os participantes terão o dia 15 liberado para treinos, das 11h às 14h30.

CLIQUE AQUI e confira o programa completo. As vagas estão todas preenchidas, caso tenha interesse em jogar preencha a FICHA ONLINE de inscrição e aguarde o contato do clube, antes de efetuar o pagamento.

A organização conta com o apoio da Federação de Golfe do Estado do Rio de Janeiro na realização do evento. A hospedagem oficial será no Hotel Promenade Paradiso All Suítes, localizado na Avenida das Américas, 487 – Barra da Tijuca, com tarifas diferenciadas (vide programa). A cerimônia de premiação, acompanhada por um coquetel, ocorrerá logo após o encerramento do último dia de jogo. O LVI Campeonato Aberto do Itanhangá Golf Club conta pontos para três rankings: estadual, nacional e mundial.

Novo traçado – A remodelação da segunda volta do campo de golfe do Itanhangá ficou a cargo do arquiteto mexicano Agustín Pizá, único latino-americano membro do Instituto Europeu de Arquitetos de Campos de Golfe. Segundo Pizá, o Itanhangá possui agora um campo moderno, com ordens alteradas, exatamente dos buracos 11 ao 16, bancas e greens modificados para ajudar os novos golfistas e também ser desafiante para os mais experientes. O novo circuito, com a modernização realizada, trouxe de volta o traçado original projetado por Stanley Thompson.

Pizá também contribuiu com sugestões adotadas no percurso dos buracos 1 ao 9. Os 18 buracos passarão a ser jogados no par 71, com a alteração no antigo buraco 11, agora o 13, que trocou de par 5 para 4. A equipe da Pro Golf, que também fez o Campo Olímpico, ficou responsável pela execução das obras, com a coordenação de Antônio Lins, o Head Pro do Itanhangá.