20/04/2005

Coluna Swing de Guillermo Piernes, nesta sexta, 22 de abril


Viva o rei!

Tiger Woods recuperou o cetro mundial de golfe e ninguém hoje discute quem é o maior jogador de história, quando um outro grande mito do esporte, Jack Nicklaus saiu da cena curvado perante o passo do tempo.
Meses antes de celebrar 30 anos, Tiger Woods ganhou o The Masters de uma forma tão fantástica. É o Rei indiscutido do golfe. São quase U$100 milhões por ano em prêmios e patrocínios, mas Tiger conseguiu mais: dar uma magia sem precedentes ao golfe. “Ele faz o inesperado, o impossível”, resumiu Chris Demarco que perdeu para Tiger no desempate em Augusta, depois de tacadas deslumbrantes.
Tiger Woods conquistou o quarto título no The Masters, um dos seus grandes recordes. Em 1997 foi o mais jovem jogador ao ganhar The Masters aos 21 anos, o mais novo em vencer o campeonato de amadores americano. Foi o primeiro jogador na história a vencer cinco torneios consecutivos. Perto dele, somente Jack Nicklaus, que decidiu sair do grande cenário aos 65 anos.
“Não vou mais jogar grandes torneios”, disse com lágrimas nos olhos o ex Urso Dourado, curvado pelos anos e um problema na cadeira. Nicklaus ganhou seis vezes em Augusta e foi o mais veterano em chegar à vitória, com 46 anos. “Chegou a hora de dizer adeus. Ainda posso jogar um pouco, mas não o suficiente para estar entre eles”, disse Nicklaus ao se referir aos melhores golfistas da atualidade. Nicklaus, como os grandes soldados, preferiu sair do campo sem grandes despedidas, aparado num dos seus filhos que o acompanhou como caddie.
Há 15 anos, Nicklaus fez a previsão que Woods, então um menino de 14 anos, ganharia mais torneios que o campeão Arnold Palmer e ele juntos. O mestre acertou e o golfe tem um rei poderoso e indiscutido.

O golfe, esporte onde a técnica e as emoções básicas da vida caminham juntas é fonte inesgotável de histórias e de inspiração para uma série de livros. Um dos poucos escritos no Brasil é o livro Tacadas de Vida, deste colunista, que terá o lançamento da segunda edição em 27 de abril, na livraria Nobel do Frei Caneca Shopping, a partir das 19h. O livro busca resumir as razões profissionais, como marketing de relacionamento, rede de contatos, e as individuais para jogar golfe. O livro destaca os valores morais do golfe, que o diferenciam da maioria das outras atividades humanas ao priorizar a honestidade, sem exceções.

Confira mais detalhes na Gazeta Mercantil, coluna Swing de Guillermo Piernes.